domingo, 4 de junho de 2017


A riqueza de nossos costumes, a culinária criativa e diversificada que faz a diferença em qualquer canto da terra.
Não há como negar, somos um povo de valor.
Construímos essa nação e ela por pouco não nos enterra como pagamento.
Eu sou uma remanescente da resistência.

Nenhum comentário:

"Cora Coralina"

Aninha e suas pedras (Poema de Cora Coralina) Não te deixes destruir…   Ajuntando novas pedras  e construindo novos poemas. Recria...