sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Há dias ótimos, outros normais e ainda os nem tanto assim. Mas de uma coisa tenho certeza, todos são imensamente importantes no meu aprendizado de viver!





quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

"De Volta As Origens"


Valorizando a minha beleza negra, minha origem de fato.
Adorei ter os cabelos de "rica", kkkkkk.        
Mas agora, nesse momento, assumo meu afro e tudo o mais que ele exige...























News Looks!



Essa será a nova forma que usarei meus cachinhos, com muitas faixas , flores, bandanas e acima tudo o mais natural possível.

Beijão amores!
Que a vida seja leve e as oportunidades uma constância.





terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Quem me conhece sabe que eu não faço muita moda na cabeça, só eu estava sentindo a necessidade da mudança, um cabelo mais pratico e sempre limpinho. Isso me motivou a voltar  usar meus black power kkkk, muita gente não gostou. Mas eu não to nem ai, sou negra e isso não vai  mudar.
Estou ótima, melhor impossivel.


Treino pesado hoje, nossa que canseira! 
Fácil não é, mas vale a pena, me sinto muito melhor a cada dia.
Difícil são as dores de inicio, dessas não tem como escapar.



Bom dia pra nós!

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015


Para cada infinito suspiro há duas lágrimas tristes que escorrem pelo rosto.
Que saudade do cheirinho de café fresco, dos bolos de fubá quentinhos, das canecadas de leite espumante. Ah! Tempos bons aqueles em que eu ria sem motivo, corria, pulava e me escondia.
O dia era curto para tantas artes e molecagens de menina. 
Bonecas de pano, de espigas de milho, de plástico barato, todas filhas do meu coração.
Lembro-me de ficar com medo de dormir sozinha à noite, eu acreditava em bruxas, mula sem cabeça e lobisomens. Os mais velhos cantavam histórias para dormir, ou para ficar acordados de medo, eu nunca sabia ao certo. E quando o cansaço vinha de uma vez, não tinha jeito, virar de lado e mimi.
E depois de uma longa noite, os galos cantavam anunciando um novo amanhecer!

Vamos malhar!

Bom dia! 
Isso porque acordei às seis da manhã para me exercitar na academia. Acordar cedinho é uma delícia. A teacher aproveitou pra me dar uma lição de educação física e seus benefícios à nossa saúde. A musculação auxilia no bom condicionamento físico, na normalidade da pressão arterial, prevenção do diabetes, osteoporose, artrite, artrose, o temido AVC e entre muitos outros. 
A cada dia descubro algo que posso realizar sem fazer todo o esforço de antes, agora com mais força nas pernas e nos braços as tarefas do dia a dia se tornaram bem mais agradáveis. O melhor de tudo isso é que estou me dedicando ao máximo para executar todos os exercícios com o máximo de acertos. O ruim é que não adianta sair do sedentarismo e achar que vai perder peso da noite pro dia, não é assim que funciona, pelo menos pra mim não é. Faz duas semanas que estou indo e não perdi quase nada, confesso que fiquei chateada comigo mesma. Tirando esses pormenores vou seguindo firme e forte na longa trajetória de bem estar e saúde. Essa é a minha minha meta para esse ano, prometi a mim mesma que cuidaria mais da saúde. 
Minha rotina agora será essa, academia das 6:10 às 7:20 de segunda à sexta e aos sábados uma semana às 8:00 às 9:10 e na outra das 15:40 às 16:50. Acho que estou virando rato de academia, brincadeira, só estou dando uma força pra mãe natureza, afinal como a Carol mesma disse com todo cuidado, eu não sou mais uma jovem... KKKKKKKKKKKKK, não diga!
 Beijão gostoso e até mais!



domingo, 22 de fevereiro de 2015

Um olhar discreto, poucas palavras, gestos sutis que encantam. 
Sem extravagancias e exageros, submissão e recato. Assim é a base, os alicerces de uma mulher sábia.
Lado a lado mas sempre um passo atrás, respeito acima de tudo. 
Haverá conhecimento suficiente para se realizar tudo que desejares!
Só o tempo lhe é um problema, mas nada muito preocupante uma vez que o homem é o senhor do seu.

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Não haverá mais necessidade nem de filmes e outros artifícios, uma vez que sempre terá espontaneamente suas vontades atendidas prontamente.



Existem circunstancias  que não são nenhum sacrifício, pelo contrário são puro prazer. 
A qualquer hora em qualquer lugar...

Eu...

Não preciso de muito, só um tanto que me baste.
É ruim observar o horizonte sozinha, vem comigo!



Meu amor, não preciso de luxo e conforto desde que estejas comigo. Te seguirei para onde for, sempre...

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015


Amor! Você se esqueceu de mim, não conversamos mais como antes. 
Sinto sua falta todos os dias, as horas mais se parecem uma eternidade... Volta pra mim, volta!
Não me deixe nessa agonia, sofrendo assim.






Que passe o tempo que for necessário, jamais desistirei...

Enfim Sexta!

Por essa semana está ótimo de academia, fui avaliada essas duas semanas e na terça que vem provavelmente já estarei com  meu treino definitivo que seguirei à risca. A única coisa que está me preocupando agora é minha pressão arterial que anda oscilando um pouco ultimamente. Para balancear vou voltar as caminhadas de quinta à domingo. Fora esse desconforto estou muito bem, adorando minha nova rotina. Confesso que começar os treinos melhoraram bastante minha disposição e força para as tarefas diárias. Bem, o dia está apenas começando e à tardinha tem caminhada, eu nem imaginei que teria tanta disposição. A Carol, teacher da academia me disse que está se surpreendendo comigo, afirmou que escondo meu potencial. Ha!Ha! Sabe de nada inocente kkkkkk
Um perfeito final de semana pra todos! 
Beijitos...

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015


Há só um caminho à escolher no meio de tantas estradas, 
Resultarão em destinos diferentes e há só uma escolha.
Que o destino me leve pelo caminho que devo seguir!
Na trilha certa...

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Estação Rodoviária



A nossa estação mais se parecia com uma rua coberta por um telhado, com um pequeno guichê e um banheiro que falando francamente não dava nem para entrar.
Essas são lembranças de um tempo onde as horas passavam sem pressa. Ainda me lembro do cheiro  ruim que vinha de seu interior, urina, chegava até arder minhas narinas. 
O pequeno bar, apertado de tudo se tinha, de cachaça à fumo de corda. Jurandir era o proprietário, um homem alto, louro com sorriso sempre à mostra. Era amigo de minha mãe, ela gostava dele, sortudo,  minha mãe não gostava de muitas amizades.
Logo mais acima, ficavam as famosas charretes que levavam os passageiros para os bairros mais distantes. Lembro-me, do cheiro dos cavalos e seus donos, velhos contadores de histórias. 
Que saudade, dos circos que lá montavam suas lonas, "Moscou, Stankowich e Vostok" me vem a memória com seus animais ferozes em suas jaulas, famintos. 
Os donos dos circos pagavam bem para quem levasse gatos para alimentar os tigres e os leões. Tudo isso era feito à noite para que ninguém visse a covardia e crueldade.
Naquela época era diferente, haviam coisas boas para se contar e o que era ruim dávamos uma forma de amenizar a gravidade.
 Atualmente nossa história e nossos prédios antigos estão sendo demolidos em nome da modernidade.
As lembranças ficam apenas na memória de quem ainda sente saudades daquele tempo. Eu sinto e muito, ah quantas lembranças!

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

O mal nunca acabará



Poderíamos viver em um  tempo onde não fossemos obrigados a nos cegar diante de tantas atrocidades.
Me nego à assistir telejornais sensacionalistas e manchetes aterradoras, fujo de tudo que me entristece o coração. Todas essas pessoas decapitadas, qual o real sentido para tudo isso? Demonstração de poder? Ainda insistem em dizer que a raça humana são um povo civilizado.
Com a globalização não há como fujir dos acontecimentos no mundo, tudo se sabe, tudo se vê.
Prefiro me ater de todo esse horror, enquanto posso.

Vemos diferenças entre nós, não somos diferentes, em algum lugar a qualquer momento podemos manifestar a fera adormecida que há em cada um de nós, ninguém sabe ao certo o que é capaz de fazer. 
Por vivemos em eterna vigília...

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Por do sol na minha terra, não de nascença, mas sinto como se fosse.
Anos vividos aqui me dão o direito de assim dizer.
 Amo tudo isso, nesse pedacinho de chão onde nasceram minha mãe e meus filhos!


Cana, cana, cana!

Ao meu redor vejo imensas plantações de cana,
Estão em toda parte, até no mais pequenos dos lotes.
E isso me aflige, dá uma dor estranha, profunda.
Meus antepassados vieram à esse continente,
Para cultivar, plantar, colher, moer essa riqueza liquida.
Aqui sofreram terríveis castigos, lutaram e até morreram.
Famintos, Flagelados, Favelados
Escravos, Mendigos, Bandidos
Hoje são outros tempos.
A evolução chegou, vieram as máquinas,
Que aram, semeiam, cortam, colhem, 24 horas ininterruptamente.
Sempre e sempre
As máquinas não sentem sede, fome, estafa, não menstruam e não morrem de morte súbita.
São outros tempos, e o mar verde avança, sempre em frente, engolindo nossas matas nativas.
Nos engolindo, nos sufocando
Progresso, dinheiro, euro
Seguimos o slogan de nossa querida bandeira " Ordem e Progresso."
Ordem pra quem, progresso de quem?
Canavial, cana, cana, cana
Desordem, rimos sozinhos, enlouquecidos
Bandidos, mendigos, falecidos
Canavial, cana, cana, cana
Morremos... Mas o combustível ecológico avança, para onde e para quem?
Prisioneiros e loucos não dirigem.
...voltemos pois às senzalas!
Não existem mais, a abolição, lembra?
Quase me esqueci por um momento, voltemos para nossas casas então, dá na mesma.



" E digo ao verde louro dessa flâmula
Paz no futuro e glória no passado"

Eita pátria gentir só!
                                             Eugenia, apenas um desabafo! 

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Ufa! Enfim sexta, estou moída, a musculação na academia é novidade pra mim. Acostumada com a hidroginástica e drenagem linfática. Sinto dor e prazer ao mesmo tempo, não consigo parar. Procuro fazer todos os exercícios com exatidão. A coisa chata em tudo isso é que não consigo pensar em caminhada no fim do dia. Eu gosto tanto de caminhar, pra mim é uma maravilhosa terapia. Pra não me estressar com a rotina continuarei minhas caminhadas aos sábados, domingos lá em cima no trevão e nos  feriados na avenida, por insistência da minha filha que quer minha companhia. 
Então ficou assim por esses dias alternarei manhã e tarde, nas próximas semanas ficarei somente com o período da manhã das 6:30 às 7:40 de segunda à sexta. Já posso ver os resultados de uma semana apenas, minha pele está com o aspecto muito mais saudável, sem contar na minha disposição que melhorou 100% kkkkk. 
Bem por hoje é só, bom Carnaval pra todos!

Ops! quase ia me esquecendo os professores são show de bola, adorei todos eles.

Uma das minhas inspirações.

 Não pretendo ficar igual a ela, impossível kkkk, mas barriguinha lisinha é meu objetivo maior. Ainda é cedo pra soltar fogos, serão meses de treino duro.
 ... está caindo uma chuva forte lá fora, gostosa e fria, posso até senti-la entrando pelas frestas da minha janela. 
Como também posso sentir seu desejo por mim, velado , disfarçado de amizade. Hoje nem tanto quanto antes, estás cansado, posso ver. 
Estou aqui, no meu quarto nesse momento, tentando escrever algo que meu coração esta me pedindo para que eu escreva.
 Mas não consigo, o medo da recusa é maior que o medo de se perder um amor. 
Me desculpe, não consigo fazer o que me pede, não dá pra te esquecer.


Sinto falta das nossas conversas, do quanto ríamos juntos.
A paz que você me transmite não encontro em lugar algum.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

 Essa luz que me cobre com seu brilho, ofusca aos que dela não compartilham.
Esse Sol que me aquece em todas as estações, sem que de mim nunca se despeça.
De suas águas quero matar minha sede angustiante, afogar-me de amor dilacerante.
Em suas areias quentes quero brincar com meus pés descalços, sentir sua textura e consistência.
Quando a noite cair e as mares subirem, contemplaremos a Lua, nossa fonte de inspiração e desejos proibidos.

A existência pode parecer uma triste canção sem sentido, desordenada mesmo. Até que surge um novo enredo repleto de refrões gentis que me conquistam a cada dia, a cada estrofe...
Meu coração lampeja, meus olhos paralisam, minha alma transmuta em sua alma e emparelhados vasculhamos juntos as prováveis saídas para labirinto indecifrável que és tu!

Nunca me condenes oh Vida por te amar, 
Aceite de peito aberto as minhas suplicas
desarme esse escudo diante de ti
E me cubra de beijos por um minuto
Uma hora, um ano e todas as horas de nossas vidas! 

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Escrevendo uma história

Eu lhe peço, não fales nos verbos pretérito perfeito e imperfeito. Os tempos presente e futuro eu prefiro, faça isso por mim, por favor. Seja mais flexível, deixe-me te contagiar hoje, amanhã e sempre.



O prazer de ler e se alegrar, ser feliz com isso. 
Me contentar com as palavras, versos, gestos é só que o tenho no momento. 
E tudo isso significa tanto, que nem sabes, me dá ânimo,me traz prazer à vida.
Me permita dormir e sonhar verdadeiramente, sem sobressaltos e dúvidas cruéis.
Desejo todo o sabor da vida, todo o prazer que  pertence a ti...

Epilogo

Eu sempre lhe sorrirei
Mesmo que eu esteja triste, chorando por dentro

Eu sempre lhe esperarei
Mesmo que me diga adeus mil vezes

Eu sempre lhe amarei
Mesmo quando de mim se esquecer

Além da vida, além da morte

Porque assim é, assim será.




terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Academia


A semana começa agitada, e olha que ta só começando. 
Hoje faz uma semana que estou frequentando a academia em horários alternados. 
Amanhã vou voltar as minhas caminhadas, se eu puder. 
Farei academia de manhã das 6:40 às 7:40 e caminhada à noitinha de três a quatro vezes por semana ( quinta, sexta, sábado e domingo).
Esses são os únicos horários em que posso me dedicar. 
Nesse carnaval somente caminhada, academia estará fechada.
Estou me acostumando ainda a esse ritmo frenético. Pretendo daqui uns dias fazer os dois, academia x caminhada, kkkkk, estou levando a sério mesmo.
Está sendo ótimo, tudo de bom!


Nem tudo está perdido, a esperança e o futuro prevalecerão, sempre. 
Veja esse dia tão lindo, eu me apaixonei por esse cenário, da mesma forma que vejo você. Não é lindo?
Assim lhe vejo, lhe admiro e desejo. Bem juntinho a mim, espirito evoluído!

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Inversos

Dizem que a esperança é a última que morre,
Mas ela morre sim... De uma forma  ou de outra!
As pessoas fazem com que isso aconteça.
Nossos atos nos traem.

Quando não fazemos o que nossos corações nos pedem, já estamos mortos de alguma forma.

Morremos um pouco por dia, todos os dias.
Até o fim. 

É triste, sonhei um futuro lindo, um lar, filhos... Tudo ao vento, infelizmente, assim, simples assim... Mortal assim!


Quando o sol ia acabando e as águas mal se moviam, 
tudo que era meu chorava da mesma melancolia. 
Outras lágrimas nasceram com o nascimento do dia: 
só de noite esteve seco meu rosto sem alegria. 
(Talvez o sol que acabara e as águas que se perdiam,
 transportassem minha sombra para a sua companhia...) 
Oh! mas nem no sol nem nas águas os teus olhos a veriam...
 — que andam longe, irmãos da lua, muito clara e muito fria...       

Cecília Meireles in 'Viagem'

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Um templo católico construído com sangue, suor e lágrimas. Porque tudo para mim tem que haver um porém? Magnífica!