domingo, 15 de fevereiro de 2015

Por do sol na minha terra, não de nascença, mas sinto como se fosse.
Anos vividos aqui me dão o direito de assim dizer.
 Amo tudo isso, nesse pedacinho de chão onde nasceram minha mãe e meus filhos!


Nenhum comentário:

Aos poucos a mocinha se prepara, se enfeita, brinca com as gotas de orvalho e se deleita com o elixir dos ventos... A Bela Moça demora, mas...