quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Há tanta beleza e poesia na história, que acabam tornando-se alimento para meu espírito viajante.





Nenhum comentário:

...luto pelo que acredito, quando deixar de crer, morrerei.