quinta-feira, 8 de dezembro de 2016


Manhãs...
Quentes, lindas e com o céu tão azul que sinceramente chego à pensar em como é possível tanta beleza.

Todos os dias vejo o mesmo cenário como se fosse a primeira vez!

Nenhum comentário:

...luto pelo que acredito, quando deixar de crer, morrerei.