sábado, 29 de abril de 2017

Logo contaremos aos nossos filhos que os bichos papões moram em Brasília.
E que nossas matas são projeções.
Quiçá eu não esteja aqui para ver isso.

Nenhum comentário:

...luto pelo que acredito, quando deixar de crer, morrerei.