terça-feira, 5 de janeiro de 2010

JARDIM DAS BORBOLETAS"



Com o tempo você vai percebendo que
para ser feliz com outra pessoa,
você precisa em primeiro lugar, não precisar dela.
Percebe também que aquela pessoa que você ama
ou acha que ama, e que não quer nada com você,
definitivamente, não é a pessoa da sua vida.
Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e,
principalmente, a gostar de quem também gosta de você.
O segredo é não correr atrás das borboletas...
é cuidar do jardim para que elas venham até você.
No final das contas, você vai achar,
não quem você estava procurando,
mas quem estava procurando por você..!





4 comentários:

* Patty Meirelles * disse...

Mario Quintana é realmente um estouro.
Grandes autores... Grandes obras.
As vezes temos a ilusão de que 'aquela' pessoa nos pertence, quando na verdade ninguém é de ninguém. Somos totalmente livres, alma, corpo e coração.
Bjs com carinho;
Patty Meirelles

Cor de Rosa e Carvão disse...

Ah Gê... Eu já nem sei mais o que faço: se cuido de mim e procuro a borboleta ao mesmo tempo ou se apenas cuido de mim. Já fiz os dois e não tive resultados tão promissores assim. Só um pouco de dor após um amor não correspondido, num momento em que só tinha olhos para mim e o meu bem-estar. Me descuidei e deu nisso... Enfim, este é um novo ano. Preciso achar uma nova fórmula. Beijo guria

Eugenia disse...

Oi Patty, eu acredito que existem pessoas predestinadas um ao outro, embora muitas vezes não aceitemos de pronto. sou a favor do amor livre, sempre achei que dá mais resultados. Mas em uma coisa acho que todos concordam,amar é bom demais. Um abraço

Eugenia disse...

Boa tarde Cor de Rosa.Parece que amor e mulher moderna não andam de mãos dadas, os homens tem medo do poder das mulheres. Você é tão simpática tenho certeza que vai achar um modo de amar e prosperar ao mesmo tempo, afinal é dando que se recebe. Um beijão

Aos poucos a mocinha se prepara, se enfeita, brinca com as gotas de orvalho e se deleita com o elixir dos ventos... A Bela Moça demora, mas...