domingo, 12 de abril de 2015

Olhei o céu agora por uns instantes, todo negro com seus pontinhos brilhantes.
Não tem como olha-lo sem soltar um pequeno suspiro. Todo o mistério que o envolve, suas galáxias, constelações e buracos negros. 
Essa paz, boa de se viver!

Nenhum comentário:

Escrever... Saber expressar-se de forma a ser compreendida. E de onde surgem minhas convicções? Como posso me dizer uma pessoa simples, ...