segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Nunca ninguém me disse que eu poderia voar, mas eu acreditava e segui guiada pelo meu entusiasmo e certeza que eu veria um amanhã melhor. 
Aí foram surgindo enormes pássaros negros que tentaram impedir o meu voar. 
Fizeram de tudo para me destruir e não conseguiram, estou aqui.
...então não será qualquer trovoada que me amedrontará. 
Eu sou realista, saberei quando chegar ao fim da estrada. 
No entanto ao contrário que todos pensam continuarei voando, mesmo que minhas asas estejam laceradas de tanto enfrentar tempestades.

Resultado de imagem para imagem de um ceu lindo


Nenhum comentário:

...luto pelo que acredito, quando deixar de crer, morrerei.