sábado, 19 de março de 2011

Nunca desejei te magoar. Me perdoe por tudo que disse ou fiz, não consigo nem imaginar ferir seu coração. Estou muito mal, meu filho você sabe...

Nenhum comentário: