quinta-feira, 9 de março de 2017

Vivenciei a cobiça no olhar dos homens, o desprezo estampado na cara dos bem nascidos e o ódio de alguns que não puderam me fazer mal...

Nenhum comentário:

...luto pelo que acredito, quando deixar de crer, morrerei.