sábado, 31 de janeiro de 2015

São outros tempos, uma nova visão da vida.
Hoje posso dizer, haverá um futuro, se quisermos!

Nenhum comentário: