quarta-feira, 25 de março de 2015

Chiquinha Gonzaga, Leila Diniz, Brigite Bardot, Marilyn Monroe e muitas outras mulheres 
que ousaram e mostraram ao mundo que podiam sim ser diferentes.

Marias, Aparecidas, Renatas, Anas e Lúcias, mulheres comuns assim como eu, mas não menos divinas em nossas existências.

Nenhum comentário:

Escrever... Saber expressar-se de forma a ser compreendida. E de onde surgem minhas convicções? Como posso me dizer uma pessoa simples, ...