terça-feira, 11 de março de 2014

Afinal valeu... Houve uma história, aprendi, chorei, renasci. 
Ninguém pode dizer que não tentei inúmeras vezes para que tudo desse certo. 
Mas não deu... Acabou. E agora o que resta são retratos de um passado não muito distante desbotadas pelo tempo. 
Sempre soube que esse dia chegaria, só não tinha noção do vazio que ficaria no lugar. 
Antes esse vazio era preenchido pela alegria e algazarra das crianças. 
Depois elas cresceram, partiram e só restou ele... um grande e imenso vazio.
Não estou feliz nem triste, apenas como alguém que enterra seu passado. 
Seguindo em frente, ansiosa em ver o que o futuro me reservará...

Nenhum comentário:

Me faltam as palavras para descrever o quão é go stoso cultivar as flores.