segunda-feira, 21 de abril de 2014

Se quer saber quem sou, posso estar em qualquer lugar, desde que esteja com você...
Poderá me conhecer nas manhãs ou tardes ensolaradas de outono, onde as folhas caem tímidas no solo fértil. 
Onde a vida segue despretensiosa. 
 E somente as nuvens e o Sol serão testemunhas. 

Nenhum comentário:

Tenho a alma de um Lírio... Se ele a tivesse!