sábado, 3 de outubro de 2015

Esse meu jeito sereno e quieto de ser, queria ser mais festeira, brava, bagunceira e falar palavrão de vez em quando. Mas não consigo, queria ser diferente, pelo menos um pouquinho.
Eu gosto de motos, mas acho que nunca sairia sozinha por essas estradas não...




Nenhum comentário:

Tenho a alma de um Lírio... Se ele a tivesse!