quinta-feira, 28 de julho de 2016

A vida é curta, muito curta, mesmo...
Rio, enquanto posso.
Depois restará apenas a lembrança.



Nenhum comentário: