sexta-feira, 13 de janeiro de 2017


Desisti, não verei suas águas cristalinas de azul intenso. 
Passarei a vez, quem sabe na próxima viagem, talvez, sei lá...
Priorizo comodidade e conforto, se não houver nem vou.

Nenhum comentário:

...luto pelo que acredito, quando deixar de crer, morrerei.