sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Adiar... Deixar sempre pra depois.
Não, prefiro correr o risco à desistir da luta.
Acharemos uma maneira, eu sei que sim.


Vivemos de dúvidas eternas, enquanto nosso amor repousa em um passado que pouco existiu.
Olhe para mim... Veja o que o tempo me fez.
Uma mulher comum, sonhadora admito, mas apenas isso.


Nenhum comentário:

Escrever... Saber expressar-se de forma a ser compreendida. E de onde surgem minhas convicções? Como posso me dizer uma pessoa simples, ...