sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Adiar... Deixar sempre pra depois.
Não, prefiro correr o risco à desistir da luta.
Acharemos uma maneira, eu sei que sim.


Vivemos de dúvidas eternas, enquanto nosso amor repousa em um passado que pouco existiu.
Olhe para mim... Veja o que o tempo me fez.
Uma mulher comum, sonhadora admito, mas apenas isso.


Nenhum comentário:

Aos poucos a mocinha se prepara, se enfeita, brinca com as gotas de orvalho e se deleita com o elixir dos ventos... A Bela Moça demora, mas...