sexta-feira, 3 de julho de 2015

Foram somente alguns segundos e nada precisou ser dito.
Nossos olhares falaram por nós.
Oi!

Nenhum comentário: