quinta-feira, 9 de julho de 2015



Agora não preciso mais, eu tenho você... 
Do seu lado sou apenas "eu" frágil, meiga e submissa.

Nenhum comentário: