sábado, 23 de janeiro de 2016

Tentei fotografar as gaivotas à beira mar, lindas com seu cantar que se misturava aos barulho das ondas. 
Elas levantavam voo mais rápido que o zoom do meu Xperia. 
Não ha como descrever essa emoção de liberdade em se estar pisando descalça nas areias quentinhas. Eu já me acostumei ao litoral, a maresia e a canto das marés...

Nenhum comentário:

Aos poucos a mocinha se prepara, se enfeita, brinca com as gotas de orvalho e se deleita com o elixir dos ventos... A Bela Moça demora, mas...